home page
locadoras, cine-escola, histórico, ...
filmes em cartaz
links para os anos anteriores
links sobre cinema
lançamentos futuros
matérias já publicadas
mande sua sugestão
 


Compre seu ingresso agora!

 

receba a programação do Estação por email:

 




A Ilha de Lesbos
A Iha de Lesbos
Panorama do Cinema Mundial



Marcas do Silêncio
Marcas do Silêncio
Panorama do Cinema Mundial



Hamlet
Hamlet
Panorama do Cinema Mundial



O Pulso
O Pulso
Première Brasil




volta

La Crème de la Crème

Luciana Hidalgo


Independentes, bizarros ou comportados, os 150 filmes selecionados para a IX Mostra Internacional do Filme - MostraRio estão em sintonia fina com o que há de mais novo no mundo do cinema. Sobram gêneros, estilos, cores e raças nessa eclética seleção de títulos, organizada pelo Grupo Estação para a mostra que acontece de 18 a 29 de setembro em 15 salas de cinema da cidade. E tudo com o patrocínio do Unibanco, RioFilme e Petrobrás, contando com o apoio da Federal Express, Multishow/Net, Telerj e Fiat.

O tom cosmopolita da MostraRio é um de seus trunfos, reunindo filmes inéditos dos mais improváveis cantos do mundo. São 150 produções, distribuídas em pequenas mas abrangentes sub-mostras. No Panorama do Cinema Mundial, estão os filmes mais recentes, os favoritos e premiados, a exemplo de A enguia, do japonês Shohei Imamura, que ganhou a Palma de Ouro esse ano em Cannes. Entre tantos, há ainda Poder absoluto, a mais recente produção dirigida por Clint Eastwood, Marcas do silêncio, o primeiro e polêmico longa-metragem sob direção de Anjelica Huston, e o Hamlet de Kenneth Branagh. Da França, vem Genealogias de um crime, de Raoul Ruiz, com Catherine Deneuve e Michel Piccoli.

Em Expectativa 97 - Novos Realizadores, surgem títulos, e autores, pouco conhecidos no Brasil, como Sunday, de John Nossiter, vencedor do prêmio de melhor filme no Sundance Film Festival desse ano. A Première Brasil traz o representante brasileiro em Cannes, A ostra e o vento, de Walter Lima Jr., e Miramar, de Júlio Bressane, entre outros longas e curtas concorridos, como O pulso, de José Pedro Goulart.

Destaque também para Cine Minuto - Curtas Franceses, uma seleção especialíssima com 14 novas produções. A presença francesa é maciça nessa MostraRio, reunindo grandes nomes em Filme Documento - O Cinema Francês Visto Por...Tem François Truffaut, Jean-Luc Godard, Claude Chabrol e tantos outros diretores soltando o verbo em documentários contundentes. E ainda: vale prestar atenção no Pathé Magazine, uma seleção de cine-jornais franceses apresentada no início das sessões de cinema da década de 70, com imagens de Chaplin, Fellini e Buñuel em Cannes.

O cinema japonês também tem vez com a mostra Yasujiro Ozu: A rotina tem seu encanto, uma homenagem a um grande mestre das telas no Japão, cultuado por cineastas como Wim Wenders. Outra preciosidade: Imagens eslovacas, uma série de títulos recentes produzidos na antiga Tchecoslováquia e ricos em informações históricas. Destaque para Imagens de um Velho Mundo, de Duzan Hanak, censurado por mais de 15 anos.

Do Velho Mundo vem ainda uma seqüência de sofisticados filmes europeus produzidos pelo canal inglês de TV Channel 4 - é a mostra Channel 4-A televisão olha o cinema. E, no terreno dos clássicos, a dica é Tesouros da Cinemateca - Os 70 anos do cinema sonoro: são raridades do acervo do MoMA de Nova York, com trechos dos primeiros filmes que utilizaram a tecnologia do som.

Para os cinéfilos chegados a experiências estranhas, há o Midnight Movies, com filmes como Ilha de Lesbos, de Jeff B. Harmon. E o Mundo Gay traz novidades como a continuação do cult gay Boys Life: Boys Life 2 - Uma história de pegação, entre tantos títulos ao estilo GLS. Tem tudo isso e muito mais. E o circuito da MostraRio é amplo: Estação Botafogo 1, 2 e 3; Espaço Unibanco de Cinema 1, 2 e 3; Cinema 1; Paissandu; Estação Paço; Cinemateca do MAM; Estação Museu da República; Fashion Mall; Estação Estácio; Roxy e Estação Icaraí. Só vendo.